Pároco convoca coordenadores para Assembleia Pastoral

Ceará-Mirim/RN, 28 de dezembro de 2013,
Na Oitava do Natal do Senhor
Festa dos Santos Inocentes, Mártires.

“Emergem novos contextos que representam novos desafios, dos quais a pastoral da Igreja não pode prescindir. Daí a necessidade de promover reformas não só espirituais, mas também institucionais, como as primeiras comunidades cristãs que souberam se adaptar aos novos contextos.”.

Estudos 104 da CNBB.

Comunidade de Comunidades: Uma nova Paróquia, 191.

Aos Irmãos e Irmãs Coordenadores,

Um novo contexto social e cultural se abre diante dos olhos de todos nós cristãos, católicos ou não, onde temos atravessado mudanças complexas e desafiadoras ao longo dos tempos, que não poucas vezes nos fazem pensar de como chegaremos aos homens e mulheres desses tempos e anunciar-lhes a mesma e renovada força do Evangelho de Cristo.

É pois neste novo contexto que “emergem novos contextos que representam novos desafios, dos quais a pastoral da Igreja não pode prescindir” e onde inserem os discípulos de Jesus Cristo e onde sua Igreja deve anunciar a Boa Nova.

Desde da Conferência de Aparecida que o Episcopado Latino-Americano vem insistindo numa mudança de mentalidade e de estrutura de nossas paróquias (n.99e, n.169 etc.); em 2011, nas Diretrizes para Evangelização, a CNBB vem persistindo nesta mudança de mentalidade e de postura eclesial (n.100-101, n.137); para reforçar a consciência da real necessidade de mudarmos, a Assembleia Geral dos Bispos do Brasil, em 2012, lançou o Estudo 104: “Comunidade de Comunidades: Uma nova Paróquia”, que nos pede uma nova reflexão sobre a realidade que envolve nossas comunidades paroquiais, tendo em vista esta época de rápidas e profundas mudanças.


Para tanto, é com imensa alegria que anunciamos e convocamos os 11 Articuladores de Setores Territoriais e os 4 Pastorais, todos os Coordenadores de Capelas, Coordenadores Paroquiais de Pastoral, de Irmandades e Movimentos, para a 6ª ASSEMBLEIA PASTORAL PAROQUIAL, com o tema “Uma nova Paróquia”, a ocorrer dias 11 e 12 de janeiro de 2014, das 08h às 17h, na Escola Estadual Monsenhor Celso Cicco (à Av. Enéas Cavalcante – Rua Principal).

Para esta ocasião tão feliz e oportuna, estamos solicitando a participação de 03 representantes de cada comunidade03 representantes de cada Pastoral (Grupo ou Movimento)/ os 11 Articuladores dos Setores Territoriais e os 04 Articuladores de Setores Pastorais, na seguinte modalidade: virão à assembleia, o coordenador02 membros eleitos na comunidade ou no grupo, dos setores, apenas o articulador. Seria muito proveitoso que os participantes da assembleia fossem escolhidos pelo grupo.

Quanto à inscrição e taxas para a assembleia, avisamos que as inscrições ocorrerão de 02 à 09 de janeiro, na secretaria da paróquia em horário de expediente, no valor de R$ 25,00 (vinte e cinco reais) por participante. Pedimos gentilmente que as comunidades do mesmo Setor procurem se entreajudar nestas taxas, para que as comunidades que estão mais carentes tenham a ajuda das comunidades irmãs.

Lembramos a todos, que desde já, incluam nas orações e preces litúrgicas o bom êxito de nossa assembleia, e que possam também divulgar o acontecimento deste tempo de graça para a nossa Paróquia, e aos participantes, como que diz o DocumentoEstudos 104 da CNBB, tenham um consciência tranquila e profundo espírito de comunhão para compreender que a paróquia,“...precisa de uma renovação urgente. As mudanças da realidade clamam por uma nova organização...” (n. 237).

Que todos possam vir com ardente amor à paróquia, nossa casa e família de fé.

Suplico de Deus Soberano, humanado em nosso meio, que abençoe a todos, ao passo que desejo um feliz Ano Novo, cheio de paz e realizações.

Fraternalmente.


Pe. Bianor Francisco de Lima Júnior

Pároco


Colaboração: João Maria França (Secretário Paroquial)

Desenvolvido pela Pastoral da Comunicação - Paróquia de Nossa Senhora da Conceição (2017)

Área Restrita